fbpx

VESTIBULAR 2021 (2º SEMESTRE) |

Institucional

Corpo Diretivo, História, Valores, Índices Acadêmicos e Projetos Pedagógicos dos cursos da Faculdade Paulista de Comunicação

CORPO DIRETIVO

Diretor Geral - Claudinei Senger

Secretaria Geral - Vinícius Mendes de Oliveira

Diretor de Tecnologia da Informação - Carlos Antonio José Oliviero

 Diretor Acadêmico - Fábio Cristiano de Moraes

 

Coordenadores dos Cursos de Graduação

Dario Djouki – Administração

Miguel Valione Junior - Comunicação Social – Rádio, TV e Internet

Miguel Valione Junior - Comunicação Social – Publicidade e Propaganda

Miguel Valione Junior - Comunicação Social – Relações Públicas

Daniela Andreza Rodrigues Bartholo – Pedagogia

 

Coordenação do Núcleo de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão - Daniela Andreza Rodrigues Bartholo

 

Coordenação do Núcleo da Educação a Distância -  Marcos Evandro Galini

 

Comissão Própria de Avaliação - CPA

Coordenação: Egberto Gomes Franco

Representante Docente: Silene Ferreira Claro

Representante Discente: Rubia Russi De Oliveira

Representante do Corpo Administrativo: Maria Luiza Louzada

Representante da Comunidade: Adilson Rogério de Almeida


VALORES INSTITUCIONAIS

Missão


A Faculdade Paulista de Comunicação tem como missão semear e multiplicar o conhecimento, com finalidade de promover o desenvolvimento humano e social de alunos, professores, colaboradores e comunidade em geral.


Princípios


Os princípios que norteiam o Projeto Político Pedagógico da Faculdade Paulista de Comunicação, além da interdisciplinaridade e contextualização, são:


fortalecimento dos laços de solidariedade e de tolerância recíproca.

formação de valores.

aprimoramento da pessoa humana.

formação ética.

exercício da cidadania.

vincular a educação ao mundo do trabalho e à prática social.

compreender os significados.

ser capaz de continuar aprendendo.

preparar-se para o trabalho e o exercício da cidadania.

ter autonomia intelectual e pensamento crítico.

ter flexibilidade para adaptar-se às novas condições de ocupação.

compreender os fundamentos científicos e tecnológicos dos processos produtivos.

relacionar a teoria com a prática.


A proposta pedagógica da Faculdade Paulista de Comunicação será a aplicação de ambos princípios, axiológicos e pedagógicos, no tratamento de conteúdos de ensino que facilitem a constituição das competências e habilidades valorizadas pela LDB.


Valores Institucionais


A formação ética e política e o aperfeiçoamento das habilidades e das competências profissionais são valores norteadoras da missão. A Faculdade Paulista de Comunicação considera como valores primordiais:


• Zelo à excelência acadêmica em todas as suas áreas de atuação, em especial no ensino, na pesquisa e na extensão;

• Avidez pela Inovação, por identificar e optar por novos caminhos e de criar oportunidades, carreiras e práticas em conformidade com uma visão inovadora e empreendedora;

• Atenção à inclusão. É inegociável o compromisso da Faculdade Paulista de Comunicação com a democratização do acesso ao ensino superior, como forma de superar as desigualdades na Região central de São Paulo. A Faculdade Mantém sempre seus olhos voltados à região na qual está inserida, centro de São Paulo, sem jamais perder de vista a conjuntura maior do país;

• Diligência especial aos processos de gestão democrática, para assegurar o reconhecimento e valoração plena de sua diversidade acadêmica.

• Responsabilidade ética, social e ambiental.

• Foco na aprendizagem do aluno.


Visão de Futuro


A Faculdade Paulista de Comunicação pretende ser reconhecida na cidade de São Paulo e região metropolitana como uma instituição comprometida com a educação integral do aluno, que permitirá ao seu egresso o exercício pleno de uma cidadania e para a prática de valores éticos, pessoais e profissionais na sociedade. 

HISTÓRIA

O número 2.200 (de acordo com a numeração atual) da Av Paulista é o local onde hoje está sediada da Faculdade Paulista de Comunicação – FPAC, mas já foi um endereço bastante frequentado pelo aviador Santos Dumont.

Com projeto do escritório de Ramos de Azevedo, em 1921, foi erguido o imponente casarão, residência de Gabriela Dumont Villares, irmã de Alberto Santos Dumont - a família era composta por oito filhos, cinco mulheres e três homens. Segundo registros históricos, nos anos 1920, o aviador costumava se hospedar na casa de Gabriela, em suas vindas à São Paulo. Naquela época, dividia-se entre a capital paulista, Rio, Petrópolis e Paris. No mesmo lugar, atualmente, encontra-se o Edifício The Central Park, de 23 andares, que foi construído em 1970 e no qual a Faculdade está instalada.

Após a construção e em razão de sua localização (alto da Paulista), naturalmente o prédio passou a abrigar diversas rádios e empresas de comunicação. Ao longo do tempo, o Edifício ficou conhecido como a Casa das Rádios, pois na Av Paulista este é o prédio no qual convergem as principais emissoras de São Paulo. Juntas, são responsáveis, segundo dados do IBOPE 2018, por 28,5% da audiência da cidade de São Paulo e região metropolitana. Além das Rádios, o espaço conta com duas TV (Top TV e TV da cidade) ligadas ao Grupo CSB de Comunicação, o Prédio conta com empresas: Fintech, produtora de conteúdo, e empresas ligadas direta ou indiretamente à comunicação.

Em razão do ambiente profundamente imerso no universo da comunicação, em 2006 nasceu o desejo do mantenedor de constituir uma Instituição de Ensino de excelência que atuasse nas áreas da Comunicação, Educação e Negócio. À época, o Brasil vivia boas perspectivas econômicas: PIB crescia, a taxa de desemprego estava baixa e a busca pelo ensino superior, por conta de alguns incentivos governamentais, estava aquecida. Naquele cenário, cada vez mais, eram demandados profissionais com excelência da formação.

Somado à longa experiência na área de negócio e comunicação, do Grupo CBS de Comunicação, vinculado à Fundação Mundial, nascia assim o Projeto da Faculdade Paulista de Comunicação (antiga Faculdade Mundial). No final de 2008, a IES recebeu a visita in loco. Em 13 de janeiro de 2009, a IES é Credenciada pela Portaria SERES/MEC nº 64 de 13/01/2009 e publicação Diário Oficial da União de 14/01/2009. A IES iniciou suas atividades em janeiro de 2009, oferecendo o curso de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda (autorizado pela portaria nº 26 de 15 de janeiro de 2009 - DOU nº 11, de 16/01/2009, Seção I, pág. 326 -, para funcionar na modalidade de bacharelado com oferta de 100 vagas anuais) e Relações Públicas (autorizado pela portaria nº 25, de 15 de janeiro de 2009 - DOU nº 11, de 16/01/2009, Seção I, pág. 326 - com 100 vagas autorizadas totais anuais). Ambos os cursos são bacharelados na área de Comunicação Social, organizados em quatro anos, subdivididos em oito períodos letivos; tem como objetivo capacitar o aluno a identificar e explicar as manifestações da Comunicação Social presentes na sociedade contemporânea e estabelecer relações entre a Comunicação Social e outras áreas de conhecimento, formando, assim, profissionais capazes de serem cidadãos e ao mesmo tempo atuarem positivamente na modificação da sociedade.

Em 2011, seguindo a expansão prevista em seu projeto Inicial, a IES solicitou a autorização para abertura de dois Cursos Superiores de Tecnologia Sistemas Para Internet (E-MEC-201117666) e Marketing (E-MEC-201117665). Ambos os pedidos foram cancelados por iniciativa na IES que, ao analisar o Mercado e a crise que se apontava nos horizontes, julgou não ser o momento mais adequado para oferta destes cursos. Já os cursos de Bacharelado Rádio, Tv E Internet (E-MEC 201112057) e Administração (E-MEC 201111123) foram autorizados. O curso de Rádio, Tv e Internet pela Portaria nº 516 de 14 de agosto de 2014, e o de Administração pela Portaria nº 567, de 07 de novembro de 2013.


Iniciado o processo de curso em 2012, a IES recebeu no ano seguinte a visita in loco para o reconhecimento do curso de Publicidade e Propaganda (E-MEC-201210530), que havia sido autorizado em 2009. À época, a IES contava com 37 estudantes regularmente matriculados no curso exclusivamente no período noturno. Ao fim da visita e o cumprimento do protocolo de compromisso, o curso recebeu CC 3 e ficou reconhecido pela Portaria Nº 294, de 7 de julho de 2016.


No ano seguinte, em 2013, a IES protocola seu pedido de Recredenciamento (E-MEC- 201307790). No ano seguinte, em 2014, a IES solicitou a autorização para o funcionamento do curso de Pedagogia (E-MEC-201408860). Em meados daquele ano, a Instituição recebeu a visita de autorização Código: 118190. É digno de nota que nas três dimensões avaliadas no ato da autorização, as notas foram: Dimensão 1 – Organização Didático-Pedagógica – Conceito 3.5; Dimensão 2 – Corpo Docente – Conceito 4.1 e Dimensão 3 – Instalação Física – Conceito 3.0. Assim o curso ficou autorizado pela Portaria Nº 913 de 27 de novembro de 2015.


Protocolado em 2014 (E-MEC-201414855), o curso de Relações Públicas recebeu a visita de reconhecimento (Código da Avaliação: 119175) em 28 de junho de 2015. Vale apontar que a coordenação do curso de Relações Públicas recebeu nota máxima, assim como a experiência do corpo docente do curso. O curso ficou reconhecido com a publicação da Portaria Nº 321, de 21 de julho de 2016.


Com processo iniciado em 2013, em 10 de abril de 2016, foi a vez de a FPAC receber a visita para seu Recredenciamento (Código da Avaliação: 111273). À época, a IES estava autorizada a oferecer 5 cursos de Bacharelados em Administração, Relações Públicas, Publicidade e Propaganda, Rádio, TV e Licenciatura em Pedagogia. Estavam ativos, em 2016, os cursos de Publicidade e Propaganda e Rádio, TV e Internet, que estava outrossim em processo de reconhecimento. Naquele ano, a IES contava com cerca de 60 estudantes, sendo aproximadamente 70% deste corpo discente ingressante por transferência da extinta Faculdade do Povo.


Com esta etapa vencida, no primeiro semestre de 2019, foi protocolado (E-MEC-201901503) a solicitação de Reconhecimento do Curso de Rádio, TV e Internet, o qual encontra-se em tramitação, aguardando visita para avaliação in loco. E, também, preenchido o Formulário Eletrônico para o recebimento da reavaliação Pós Protocolo de compromisso.


O ano de 2019 foi dedicado, ainda, aos estudos para viabilidade do Credenciamento da IES para oferta de cursos na modalidade EaD. Na janela de pedido de Credenciamento do segundo semestre de 2019 foi protocolado a solicitação (E-MEC 201930757) para Credenciar a IES nesta modalidade. Como autorização EAD Vinculada a Credenciamento foi solicitado o Curso de Administração (E-MEC 201930876). A partir da solicitação do credenciamento EaD, a FPAC vislumbra a possiblidade de ofertar àqueles que querem cursar o Ensino Superior, mas na Rotina do dia-a-dia, não conseguem estar na faculdade todos os dias da aula.

Em 2020 a Faculdade Paulista de comunicação Recebeu a Visita do MEC para concluir seu processo de Recredenciamento e Recebeu a nota 4. Com esse resultado, nos colocamos entre as melhores instituições de Ensino Superior do Brasil que tem a nota 4 em Conceito Institucional (C.I) e nota 4 em Índice Geral de Curso (IGC).

ÍNDICES ACADÊMICOS

Índice Geral de Curso

Índice

CI - Conceito Institucional

CI - CEAD - Conceito Institucional EAD

IGC - Índice Geral de Cursos

IGC Contínuo


Valor

4

-

4

3.1446


Ano

2020

-

2017

2017

Histórico de IGC: 2016-2018

Ano

2015

2016

2017

2018

Cód.

3896

3896

3896

3896

IES

Faculdade Paulista de Comunicação

Faculdade Paulista de Comunicação

Faculdade Paulista de Comunicação

Faculdade Paulista de Comunicação

Categoria Adm.

Privada s/ fins lucrativos

Privada s/ fins lucrativos

Privada s/ fins lucrativos

Privada s/ fins lucrativos

Estado

SP

SP

SP

SP

IGC

3,144

3,144

3,144

3,144

Faixa

4

4

4

4

ENADE, CC e CPC

Código

1159742

118362

118361

1299476

1161108

Modalidade

Presencial

Presencial

Presencial

Presencial

Presencial

Grau

Bacharelado

Bacharelado

Bacharelado

Bacharelado

Bacharelado

Curso

Administração

Publicidade e Propaganda

Relações Públicas

Pedagogia

Rádio, TV e Internet

ENADE

-

4

-

-

-

CPC

-

-

-

-

-

CC

3

3

3

3

3